Bookmark e Compartilhe
Livros Psiquiatria Infantil
Ajude-nos a aprender - Um Programa de Treinamento em ABA em ritmo auto-estabelecido
Kathy Lear
Comunidade Virtual Autismo no Brasil


Ajude-nos a aprender
(Help us learn)
Um Programa de Treinamento em ABA (Análise do Comportamento Aplicada) em ritmo auto-estabelecido.
Kathy Lear

Comunidade Virtual Autismo no Brasil


Tradução:
Margarida Hofmann Windholz
Marialice de Castro Vatavuk
Inês de Souza Dias
Argemiro de Paula Garcia Filho
Ana Villela Esmeraldo


Esta tradução é fruto do sonho e do esforço de muitas pessoas ligadas à Comunidade Virtual Autismo no Brasil, grupo que se reúne através do site "yahoogrupos" desde 1998.

Em primeiro lugar, Márcia Rocha, mãe de um garoto autista, que adquiriu o material “Help us Learn” (www.helpuslearn.com) e sentiu que este, traduzido, seria útil a muito mais pessoas. Fez cópias e as distribuiu entre alguns amigos, com o pedido que as traduzissem.

Em seguida, uma equipe se formou, com a intenção de traduzi-lo, trazendo-o para mais perto das famílias de pessoas autistas do Brasil – e de outros países de língua portuguesa.

Nesse grupo, cada um se responsabilizou pela tradução de um ou mais capítulos. Dele participaram: Ana Esmeraldo (RS), fundadora da Associação de Amigos do Autista de Farroupilha; Argemiro Garcia (BA), geólogo e pai de um menino autista; Inês Dias (SP), engenheira florestal e mãe de um menino autista; Margarida Windholz (SP), psicóloga, especialista em autismo e autora do livro "Passo a passo, seu caminho – Guia curricular para o ensino de habilidades básicas"; e Marialice Vatavuk (SP), psicóloga e mãe de um menino autista. A lista "112 formas de dizer MUITO BEM!" foi resultado de um esforço conjunto da Comunidade Virtual Autismo no Brasil. No mês de janeiro de 2005, seus integrantes bombardearam-se alegremente com as mais variadas formas de dar os parabéns a uma criança que acabou de executar com sucesso uma tarefa. O resultado pode ser observado no Capítulo 3. Agradecemos aos analistas do comportamento, os Drs. Sonia B. Meyer e Roosevelt Ristum Starling, que participaram da revisão técnica.

Encerrada a tarefa da tradução, o grupo manteve contato com a autora, a Sra. Kathy Lear. Infelizmente, não foi possível concluir negociações para que oficializássemos sua publicação, até o momento.

Fruto de um sonho, de um trabalho coletivo voluntário, achamos por bem divulgar gratuitamente este material através da internet, internamente à nossa comunidade, frente à urgência de melhorar o atendimento de nossas crianças. Queremos, aqui, dar à autora os créditos mais do que merecidos, expressando nosso desejo de prosseguir nas negociações e, assim, transformarmos esse trabalho numa edição oficial.

Temos a certeza de que nossa atitude propiciará a muitas crianças autistas de língua portuguesa um melhor desenvolvimento. Foi essa a única motivação que nos moveu.

De qualquer forma, obrigado, Mrs Lear.

Grupo de tradutores da Comunidade Virtual Autismo no Brasil
www.yahoogrupos.com.br/groups/autismo
O portal Psiquiatria Infantil.com.br já recebeu

45.944.089 visitantes